DOENÇAS GRAVES MODULAR

A nova cobertura opcional Doenças Graves Modular da Prudential é um produto inovador, amplo e abrangente. Permite – após a avaliação de risco – a contratação de 3 ou 4 módulos com até 25 doenças e procedimentos cobertos.

Cobertura ampla e abrangente

O cliente aplica para a contratação dos 4 módulos. Caso durante a análise de risco o histórico familiar ou a condição de saúde impeça a contratação de um dos módulos – o que nas coberturas convencionais causa rejeição de toda a cobertura – no Doenças Graves Modular é possível garantir a proteção dos outros 3 módulos.

Possibilidade de 2 indenizações

Quando emitida com os 4 módulos, caso o cliente venha a desenvolver uma doença ou a realizar um procedimento coberto, ele poderá receber o benefício do respectivo módulo e manter a cobertura ativa para uma eventual segunda indenização em outro. Coberturas emitidas com apenas 3 módulos permitem pagamento de somente 1 indenização.

Benefício adicional de Capital Segurado

A cobertura oferece 50% adicional ao capital segurado em casos de câncer de mama em mulheres e de próstata em homens, se diagnosticados em estágio avançado*.

Coberturas

Doenças Graves Modular é a nova cobertura opcional da Prudential do Brasil. É constituída por 4 módulos que abrangem as principais doenças e procedimentos que mais afetam a população brasileira: “Câncer”, “Doenças Cardiovasculares”, “Falência de Órgãos” e “Doenças Neurológicas”.

1 CÂNCER

- Câncer
- Transplante de Medula
- Anemia aplástica

Diferencial

50% adicionais de benefício para Câncer de Mama ou Próstata diagnosticado em estágio avançado.

- O câncer é a segunda doença que mais atinge os brasileiros. Entre as mulheres, o câncer de mama ainda é a maior ocorrência. Apenas em 2018, foram 60 mil novos casos, representando 30% dos casos entre o público feminino. Já entre os homens, a maior incidência é de câncer de próstata, representando 32% dos casos.

- O câncer de mama é o principal motivo de pagamentos de indenizações da Prudential do Brasil entre as mulheres.

2 DOENÇAS
CARDIOVASCULARES

- Infarto agudo do miocárdio
- AVE - Derrame
- Cirurgia coronariana (Bypass)
- Cirurgia das valvas cardíacas
- Cirurgia da aorta
- Transplante de coração ou rim
- Insuficiência renal terminal com necessidade de diálise regular

- A Sociedade Brasileira de Cardiologia estimou que, no ano de 2017, ocorreram mais de 380 mil mortes no Brasil decorrentes de doenças cardiovasculares.

- O infarto agudo do miocárdio é a primeira causa de mortes no país, de acordo com a base de dados do DATASUS. 50% dos infartos ocorrem antes dos 65 anos.

3 FALÊNCIA DE ORGÃOS
& OUTROS

- Transplante de fígado, pulmão, intestino delgado, pâncreas e tecido composto
- Queimaduras de terceiro grau
- Hepatite viral fulminante
- Pancreatite crônica
- Doença hepática grave
- Doença pulmonar crônica

- A Hepatite viral fulminante requer tratamento intensivo e transplante hepático, e leva a óbito em 50% dos casos.

- Somente no primeiro trimestre deste ano, 8 mil novas pessoas entraram para a lista de espera por doação no Brasil, que já contabilizava mais de 30 mil pessoas. No resultado acumulado de 2018, tivemos quase 9 mil casos de transplantes efetivos.

4 DOENÇAS
NEUROLÓGICAS

- Esclerose múltipla
- Paralisia de membros - total e irreversível
- Cegueira - perda profunda da visão
- Surdez - profunda e irreversível
- Coma por TCE
- Parkinson idiopático
- Doença de Alzheimer
- ELA
- Tumor cerebral benigno

- São estimados cerca de 55 mil novos casos de demência todos os anos no Brasil, a maioria decorrentes do Alzheimer, sendo esta a doença degenerativa mais comum no mundo.

- O físico britânico Stephen Hawking, que faleceu em 2018, foi um dos portadores mais conhecidos mundialmente da ELA (Esclerose Lateral Amiotrófica). Essa é uma das principais doenças neurodegenerativas, ao lado de Parkinson e Alzheimer.

Perguntas Frequentes

A indenização para cada módulo é equivalente a ¼ de todo o Capital Segurado da cobertura?

Não! Independentemente do módulo em que se tem um evento, o pagamento do benefício é de 100% do Capital Segurado contratado.


No caso de ter a aceitação para os 4 módulos, e a ocorrência de dois eventos em módulos distintos, o Capital Segurado da cobertura sofre alguma redução no 2º benefício?

Não, a cobertura continua ativa após a ocorrência do 1º evento, mantendo 100% Capital Segurado contratado caso tenha um evento em um dos outros 3 módulos.


Qual é a indenização a ser recebida, caso ocorra o diagnóstico de um câncer de próstata em estágio avançado* tendo contratado um capital segurado de R$ 1 milhão?

No caso do diagnóstico de câncer de próstata em estágio avançado* após a carência, a indenização será de R$ 1,5 milhão em função do benefício adicional de 50% do capital segurado para esses casos.


*Conforme regras de gravidade estabelecidas nas Condições Especiais da cobertura.

Quer saber mais?

Fale com um especialista